Home Sociedade Crise do coronavírus pode fazer fome quase dobrar no mundo este ano, aponta ONU

Crise do coronavírus pode fazer fome quase dobrar no mundo este ano, aponta ONU

0
Crise do coronavírus pode fazer fome quase dobrar no mundo este ano, aponta ONU
- Anúncio -

ONU faz alerta sobre os riscos da fome no mundo, as estimativas são preocupantes e se alguma coisa não for feita agora, as chances da insegurança aguda pode duplicar ainda em 2020, podendo chegar a 265 milhões de pessoas no mundo com fome, segundo o Programa Mundial de Alimentos das Nações Unidas (ONU), de acordo com o quadro atual provocado pela pandemia do novo coronavírus.

A perda de receita que a maioria dos setores está sofrendo, como as perdas dos ganhos com turismo, pois as viagens foram suspensas em razão da restrição, para evitar a propagação de maneira assustadora que poderia ser, sem o distanciamento social, é também sentida em vários setores.

Atualmente, aproximadamente 135 milhões de pessoas se encontram nas piores condições de falta de alimentos, mas esse número pode dobrar, se a estimativa de serem mais 130 milhões que também poderão sofrer muito sem a receita do turismo.

- Anúncio -

Nos países com baixa e média condições de renda familiar, a situação pode ficar crítica, serão 265 milhões de pessoas com fome no mundo.

“A Covid-19 é potencialmente catastrófica para milhões de pessoas que já estão ‘por um fio'”, explicou  Arif Husain, economista chefe e diretor de pesquisa do Programa Mundial de Alimentos, durante conferência virtual de Genebra, na Suíça.

- Anúncio -

“Precisamos nos unir para lidar com isso, ou o custo será alto demais – o custo global será alto demais: muitas vidas perdidas e muitos, muitos meios de subsistência”, disse o diretor de pesquisas.

“Essas são as pessoas com as quais estamos preocupados – os que estavam bem antes da Covid e agora não estão”, disse Arif Husain, que continuou dizendo que é uma grande preocupação.

A situação na África é ainda mais crítica, por exemplo, no Quênia, é importante ajudar e apoiar os cidadãos, antes que comecem a vender seus bens, fruto de trabalho durante anos. Entre os mais prejudicados estão os vendedores de alimentos, produtores que colocam à venda o gado e equipamentos.

O programa da ONU para atender às crescentes necessidades da falta de comida, informou que vai precisa de US$ 10 bilhões a US$ 12 bilhões para este ano,superando a marca do ano de 2019, que foi de US$ 8,3 bilhões .

Créditos: https://g1.globo.com/economia/noticia/2020/04/21/crise-do-coronavirus-pode-fazer-fome-quase-dobrar-no-mundo-aponta-onu.ghtml

- Anúncio -

Qual sua opinião? Escreva abaixo👇
- Anúncio -

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here